Toyota RAV4 1996 Avaliações

Relatórios do consumidor

Toyota RAV4 1996 Análise #688 - SUV, motor a gasolina, 2 l., 3 cavalos de potência, Tração nas quatro rodas, automático | Relatório do consumidor, foto 1
Toyota RAV4 1996 Análise #688 - SUV, motor a gasolina, 2 l., 3 cavalos de potência, Tração nas quatro rodas, automático | Relatório do consumidor, foto 2
Toyota RAV4 1996 Análise #688 - SUV, motor a gasolina, 2 l., 3 cavalos de potência, Tração nas quatro rodas, automático | Relatório do consumidor, foto 3

Toyota RAV4 1996 Análise #688

Este aparelho mais digno foi comprado para minha esposa, pois naquela época ele próprio estava se mudando para o TLC 81. Em novembro de 2001, um ravchik chegou a Olga (530 km de Vladik). Quilometragem 59.000 km (nativo, pois foi comprado por um parceiro japonês). Kotska pequeno no guarda-lamas dianteiro esquerdo. Dirigido junto com minha esposa. Minhas impressões: segura a estrada perfeitamente, é moderadamente ágil e tem muito espaço para mim (mesmo agora com meus 110 kg). Apesar da estrada nevada, eles correram sem incidentes.

Especificações:

  • Toyota RAV4 1996
  • Ano do Veículo: 1996
  • SUV
  • Motor a gasolina, 2 l., 3 cavalos de potência
  • Tração nas quatro rodas
  • Automático
68
13

Especificações:

  • Toyota RAV4 1996
  • Ano do Veículo: 1996
  • SUV
  • 1 geração
  • Motor a gasolina, 2 l., 150 cavalos de potência
  • Tração nas quatro rodas
  • Mecânico
  • Volante Deixei
48
33
Toyota RAV4 1996 Análise #511 - SUV, 1 geração, motor a gasolina, 2 l., 3 cavalos de potência, Tração nas quatro rodas, automático | Relatório do consumidor, foto 1
Toyota RAV4 1996 Análise #511 - SUV, 1 geração, motor a gasolina, 2 l., 3 cavalos de potência, Tração nas quatro rodas, automático | Relatório do consumidor, foto 2
Toyota RAV4 1996 Análise #511 - SUV, 1 geração, motor a gasolina, 2 l., 3 cavalos de potência, Tração nas quatro rodas, automático | Relatório do consumidor, foto 3

Toyota RAV4 1996 Análise #511

Bom dia a todos, decidi matar alguns minutos livres no trabalho, escrevendo sobre uma máquina de escrever que dá prazer de dirigir e confiança nela ... Minha vida automobilística começou, brega - como um jovem de 15 anos, eu viajou pelo bairro do setor privado em um ZAZ 968m, desmontou e coletou, em geral, uma unidade maravilhosa, ala Porsche, com um pára-quedas acoplado, embora fosse possível fazer curvas com um skid)))) .. Aos 18 anos, amadurecido e com a carteira de motorista no bolso, montou pela primeira vez um Volvo 740, com metralhadora, o que em 96 era estranho para mim, constantemente procurando o pedal da embreagem com o pé esquerdo) )), então o primeiro carro novo apareceu na família - Ford Exporter, então as marcas mudaram com regularidade invejável. Meu padrasto não podia andar no mesmo por muito tempo, lincoln tan car 2 peças, um morreu, ficou preso no cruzamento no inverno, bem, ele dobrou o trem, ficou como um olho no tamanho, se você olhar perfil (um navio chique, é claro, o poder é como na locomotiva, o interior é geralmente um conto de fadas, em termos de conforto de movimento), Padzherik, TLK 80, Grand Cherokee, BMW 730 - a propósito, ela era apenas meu, por alguns anos, um bom carro, não sem avarias, claro, moramos com ela, mas aprendi muito sobre o dispositivo desse alemão, os coreanos eram. Comprei um VAZ 08, uma técnica estranha, confiança zero nele, constantemente, algo quebrava, dispositivos ligados por conta própria ... Comprei uma motocicleta Ural, cansei desses de 4 rodas, em geral um motocicleta, é claro que isso é uma coisa, realmente aparece ao volante desta unidade uma sensação indescritível de prazer e liberdade ... um presente de Ano Novo, esperei por quase um mês, por que esse carro em particular, primeiro mudou de endereço, mudando de um apartamento para uma casa particular, de pé A operação na floresta começou com um pequeno constrangimento, o carro veio abaixo sua própria energia de Almaty, suja, sem roda sobressalente, um pneu foi rasgado na estrada, o vendedor o levou para a lavagem do carro, como resultado, acabei com gelo nas mãos, estava cerca de 27 graus abaixo de zero na rua naqueles dias, o combustível está em zero, a luz está acesa, eu dirigi até o posto de gasolina, não consigo sair do carro, as portas estão congeladas, a escotilha não abre, então fui emparedado lavar o carro para um amigo, eles me libertaram como uma princesa de uma fortaleza, meu as caixas eram assustadoras, então eles conseguiram sem beijos)))), passou todos os dias ao volante, dirigiu apenas para ir, a véspera de Ano Novo passou sem álcool, o termômetro da manhã me chocou com uma temperatura de -36. Às 8 da manhã eu estava no estacionamento, com um "meio chute".

Especificações:

  • Toyota RAV4 1996
  • Ano do Veículo: 1996
  • SUV
  • 1 geração
  • Motor a gasolina, 2 l., 3 cavalos de potência
  • Tração nas quatro rodas
  • Automático
  • Volante Certo
39
27
Toyota RAV4 1996 Análise #581 - SUV, 1 geração, motor a gasolina, 2 l., 3 cavalos de potência, Tração nas quatro rodas, automático | Relatório do consumidor, foto 1

Toyota RAV4 1996 Análise #581

Este carro substituiu a primavera Kaldina '98, que passou a sério depois de um verão de passeios de piquenique e viagens de pesca. O dinheiro estava acabando (cerca de 260tyr), eu queria ver algo mais off-road do que uma perua. Eu fui para Novosibirsk, mas por esse dinheiro você só poderia encontrar um Probox não funcionando e modelos únicos de carros de passageiros (carros em funcionamento) de uma classe superior em condições normais lá. O resto é lixo quebrado, que os vendedores esfregaram ativamente com trapos. Tive essa impressão depois de 6 horas viajando pelo mercado de Novosibirsk. Eu cuspi, voltei para Tomsk, onde olhei para o CR-V de 97 anos, Forestera de 98 anos, o primeiro acabou com um chassi muito danificado e o valor do investimento nele foi colossal (cerca de 30-40 mil rublos), o Subaru era turbo com um vendedor um tanto estranho, razão pela qual "desligou parcialmente a turbina", mudou o TCP (não havia cópia do antigo), a quilometragem era superior a 200 .. Eles me dissuadiram de o Florestal. Depois deles, surgiu este RAV de cinco portas, que, segundo o serviço, estava em boas condições.

Especificações:

  • Toyota RAV4 1996
  • Ano do Veículo: 1996
  • SUV
  • 1 geração
  • Motor a gasolina, 2 l., 3 cavalos de potência
  • Tração nas quatro rodas
  • Automático
  • Volante Certo
46
26

Especificações:

  • Toyota RAV4 1996
  • Ano do Veículo: 1996
  • SUV
  • 1 geração
  • Motor a gasolina, 2 l., 3 cavalos de potência
  • Tração nas quatro rodas
  • Automático
  • Volante Certo
50
3

Especificações:

  • Toyota RAV4 1996
  • Ano do Veículo: 1996
  • SUV
  • 1 geração
  • Motor a gasolina, 2 l., 129 cavalos de potência
  • Tração nas quatro rodas
  • Automático
  • Volante Deixei
80
58
Toyota RAV4 1996 Análise #666 - SUV, 1 geração, motor a gasolina, 2 l., 3 cavalos de potência, Tração nas quatro rodas, mecânico | Relatório do consumidor, foto 1
Toyota RAV4 1996 Análise #666 - SUV, 1 geração, motor a gasolina, 2 l., 3 cavalos de potência, Tração nas quatro rodas, mecânico | Relatório do consumidor, foto 2
Toyota RAV4 1996 Análise #666 - SUV, 1 geração, motor a gasolina, 2 l., 3 cavalos de potência, Tração nas quatro rodas, mecânico | Relatório do consumidor, foto 3

Toyota RAV4 1996 Análise #666

Em geral, esta é uma continuação da revisão - é uma pena que você simplesmente não possa adicionar o que aconteceu e aconteceu à revisão criada anteriormente. Ok, sobre o principal, havia muitas dicas sobre como ajustar esta máquina (alemão - existem muito poucos sinos e assobios em comparação com o rud certo ((((() - eu decidi vir bem e colocar HBO )))) IMHO os preços do benz não são previstos)))) aqui relatório fotográfico completo

Especificações:

  • Toyota RAV4 1996
  • Ano do Veículo: 1996
  • SUV
  • 1 geração
  • Motor a gasolina, 2 l., 3 cavalos de potência
  • Tração nas quatro rodas
  • Mecânico
  • Volante Deixei
19
10

Especificações:

  • Toyota RAV4 1996
  • Ano do Veículo: 1996
  • SUV
  • 1 geração
  • Motor a gasolina, 180 cavalos de potência
  • Tração nas quatro rodas
  • Mecânico
  • Volante Certo
29
47
Toyota RAV4 1996 Análise #717 - SUV, 1 geração, motor a gasolina, 2 l., 3 cavalos de potência, Tração nas quatro rodas, automático | Relatório do consumidor, foto 1
Toyota RAV4 1996 Análise #717 - SUV, 1 geração, motor a gasolina, 2 l., 3 cavalos de potência, Tração nas quatro rodas, automático | Relatório do consumidor, foto 2
Toyota RAV4 1996 Análise #717 - SUV, 1 geração, motor a gasolina, 2 l., 3 cavalos de potência, Tração nas quatro rodas, automático | Relatório do consumidor, foto 3

Toyota RAV4 1996 Análise #717

Olá a todos os amantes de carros destros!

Especificações:

  • Toyota RAV4 1996
  • Ano do Veículo: 1996
  • SUV
  • 1 geração
  • Motor a gasolina, 2 l., 3 cavalos de potência
  • Tração nas quatro rodas
  • Automático
  • Volante Certo
3
3

Toyota RAV4 1996 Análise #450

boa tarde, talvez noite, talvez manhã !!!!!! : comprei em março de 2010 por 170 quilo-rublos - o proprietário estava com pressa com a venda e estávamos um pouco ferrados! após a compra, descobriu-se: ambas as granadas dianteiras não foram mortas, mas simplesmente mortas; o pára-brisa estava quase na mesma condição - todo rachado; três pontos! minha esposa e eu viajamos por uma semana - estávamos felizes com todas essas deficiências! MAS MAS MAS depois de uma semana e meia essa alegria de pelúcia nos presenteou com um super prêmio: bati o motor a 300 km de casa (depois de trocar o óleo !!!!!!!!!!! !!!!!!!!!!!!!!! !!!!!!!!!!). também!!!!!!!) conclusão, preste atenção no selante entre o bloco e a panela se for fresco, pergunte por que você o abriu????? os forros eram novos, mas nem todo mestre sabe que os parafusos da biela não podem ser reutilizados, porque se forem puxados conforme necessário, eles quebram! aparentemente os parafusos estão cansados ​​no meu carro! ! troquei óleo e velas! todo esse prazer custou 40 quilorublos! mas vale a pena! mais. comprando pneus Goodyear para o inverno, um conjunto usado por 14.000 kilorubs. E agora o mais interessante: toda a suspensão morreu, exceto os suportes, molas e amortecedores. Foi adquirido: um conjunto de juntas esféricas, ovos, buchas estabilizadoras, blocos silenciosos em círculo, um conjunto de hastes traseiras no valor de 12.000 quilorublos, porque fiz isso sozinho, trabalho de graça! Sobreviveu ao inverno. Mola: rolamentos traseiros uivados. Substituindo rolamentos na estação, semelhança, colapso, troca de sapatos para o verão, saíram 16.000 quilorublos. O próprio corpo agora se tornou um problema problemático, há bolsões de corrosão nos arcos. Mais carro até a venda não causou problemas, mas acabou vendê-lo não é uma tarefa fácil.

Especificações:

  • Toyota RAV4 1996
  • Ano do Veículo: 1996
  • SUV
  • 1 geração
  • Motor a gasolina, 2 l., 3 cavalos de potência
  • Tração nas quatro rodas
  • Automático
  • Volante Certo
87
5
Toyota RAV4 1996 Análise #591 - SUV, 1 geração, motor a gasolina, 2 l., 3135 cavalos de potência, Tração nas quatro rodas, automático | Relatório do consumidor, foto 1
Toyota RAV4 1996 Análise #591 - SUV, 1 geração, motor a gasolina, 2 l., 3135 cavalos de potência, Tração nas quatro rodas, automático | Relatório do consumidor, foto 2
Toyota RAV4 1996 Análise #591 - SUV, 1 geração, motor a gasolina, 2 l., 3135 cavalos de potência, Tração nas quatro rodas, automático | Relatório do consumidor, foto 3

Toyota RAV4 1996 Análise #591

O carro descrito abaixo foi vendido. O objetivo deste texto é homenagear o cavalo fiel e, espero, a utilidade da informação para as pessoas que escolhem um carro para comprar. Aqui descreverei não apenas minha experiência, mas também a experiência de outros advogados com quem conversei.

Especificações:

  • Toyota RAV4 1996
  • Ano do Veículo: 1996
  • SUV
  • 1 geração
  • Motor a gasolina, 2 l., 3135 cavalos de potência
  • Tração nas quatro rodas
  • Automático
  • Volante Certo
78
12

Especificações:

  • Toyota RAV4 1996
  • Ano do Veículo: 1996
  • SUV
  • 1 geração
  • Motor a gasolina, 2 litros.
  • Tração nas quatro rodas
  • Automático
  • Volante Certo
25
7

Toyota RAV4 1996 Análise #523

Há muito tempo atrás em uma galáxia muito, muito distante, ugh! houve disputas no fórum Ravcheg off-road ou não? RavcheG rasgará Niva ou não? Na verdade, vou tentar responder a essas disputas neste tópico.

Especificações:

  • Toyota RAV4 1996
  • Ano do Veículo: 1996
  • SUV
  • 1 geração
  • Motor a gasolina, 2 l., 3130 cavalos de potência
  • Tração nas quatro rodas
  • Automático
  • Volante Certo
22
8
Toyota RAV4 1996 Análise #673 - SUV, 1 geração, motor a gasolina, 2 l., 3 cavalos de potência, Tração nas quatro rodas, mecânico | Relatório do consumidor, foto 1
Toyota RAV4 1996 Análise #673 - SUV, 1 geração, motor a gasolina, 2 l., 3 cavalos de potência, Tração nas quatro rodas, mecânico | Relatório do consumidor, foto 2
Toyota RAV4 1996 Análise #673 - SUV, 1 geração, motor a gasolina, 2 l., 3 cavalos de potência, Tração nas quatro rodas, mecânico | Relatório do consumidor, foto 3

Toyota RAV4 1996 Análise #673

A máquina fala há relativamente pouco tempo, levou cerca de seis meses na primavera. Escolhi meus futuros papelats por um tempo relativamente curto, cerca de um ano, já que todo esse tempo não havia nada para me deslocar em Niva 21213. A área de escolha limitava-se a carros de tração nas quatro rodas com rodas grandes> = R16, etc. .

Especificações:

  • Toyota RAV4 1996
  • Ano do Veículo: 1996
  • SUV
  • 1 geração
  • Motor a gasolina, 2 l., 3 cavalos de potência
  • Tração nas quatro rodas
  • Mecânico
  • Volante Deixei
84
41
Toyota RAV4 1996 Análise #559 - SUV, 1 geração, motor a gasolina, 2 l., 3140 cavalos de potência, Tração nas quatro rodas, automático | Relatório do consumidor, foto 1
Toyota RAV4 1996 Análise #559 - SUV, 1 geração, motor a gasolina, 2 l., 3140 cavalos de potência, Tração nas quatro rodas, automático | Relatório do consumidor, foto 2
Toyota RAV4 1996 Análise #559 - SUV, 1 geração, motor a gasolina, 2 l., 3140 cavalos de potência, Tração nas quatro rodas, automático | Relatório do consumidor, foto 3

Toyota RAV4 1996 Análise #559

Depois Kaldino (5E 1.5l) começou a escolher um carro, que pode ser pelo menos um pouco fora da estrada enrolada. Como havia uma quantia limitada de dinheiro, a escolha recaiu sobre SUVs 93-98 anos, ala escudo, rav4, CR-in, Forester.

Especificações:

  • Toyota RAV4 1996
  • Ano do Veículo: 1996
  • SUV
  • 1 geração
  • Motor a gasolina, 2 l., 3140 cavalos de potência
  • Tração nas quatro rodas
  • Automático
  • Volante Certo
44
42